Para começo de conversa, gostaria que todos os que me acompanham tenham uma noção básica dos alimentos, para que realmente entendam o que é ter uma alimentação saudável. O entendimento facilita imensamente o sucesso da mudança de hábitos alimentares.

Os Macronutrientes

Basicamente existem três grupo de alimentos, eles são chamados macronutrientes: proteínas, gorduras e carboidratos.

Cada um deles apresenta propriedades específicas e servirá para diferentes funções bioquímicas dentro do nosso corpo. Os três grupos são fundamentais e indispensáveis para uma alimentação saudável.

 

As Proteínas

São aminoácidos agrupados que de acordo com a quantidade e o tipo formam as diferentes proteínas presentes no organismo humano. De acordo com a sua composição, cada proteína exercerá uma função específica no corpo.

Existem proteínas de origem animal, que são as mais completas, e as vegetais. São chamados aminoácidos essenciais aqueles que são fundamentais para a saúde humana, e que deveriam ser ingeridos todo santo dia.

Peço especial atenção aqui aos vegetarianos e veganos que tenham um equilíbrio, a falta de aminoácidos essenciais é extremamente prejudicial à saúde e a solução é suplementar.

As proteínas servem para construir, ou seja, são como os tijolos de uma construção. As proteínas constroem a estrutura palpável do corpo, como pele, olhos, ossos, coração, músculos, cabelo, e também atuam como base na formação de hormônios.

 

As Gorduras

Primeiro, que fique claro, as gorduras não são exatamente maléficas para a saúde. Caso ainda tenha dúvida neste item por favor leia meu artigo neste mesmo blog Sim, você deveria ingerir gorduras.

Algumas gorduras são consideradas essenciais, como o ômega-3 o ômega-6. Não existe vida sem estas gorduras e o equilíbrio entre elas é vital para a saúde, pois previne o corpo de muitos males, desde doenças cardiovasculares e degenerativas, até o câncer.

As gorduras são importantes pois elas geram energia e aumentam a imunidade. Elas são responsáveis por uma melhoria na energia de utilização do coração, contribuem para aumentar a inteligência e são utilizadas como substrato de formação dos hormônios esteroidais.

 

Os Carboidratos

Os carboidratos são na realidade os vegetais! Sim, é verdade. Verduras, saladas, leguminosas, frutas são os carboidratos originais, digamos assim. Ao menos era assim que acontecia na história paleolítica. 

O que existe hoje é a terrível troca do carboidrato pela gordura!

Diversos tipos de pães, salgadinhos, tortas, doces e tudo mais acabam por corromper a inteligência da população moderna. Infelizmente hoje, estes viraram os carboidratos de escolha, um grande erro.

À medida em que aumentamos a oferta e a facilidade na ingestão deste tipo de carboidratos, toda a rotina alimentar é desequilibrada, simplesmente porque este grupo de alimentos tem como função básica e única, gerar energia pro nosso corpo.

Para cumprir esta função, não se engane, bastaria uma quantidade pequena de carboidrato por refeição. Provavelmente você não precisa de tanto carboidrato quanto ingere, fique ligado nisso.

Eu pessoalmente não conheço ninguém que faça ingestão de menos carboidratos do que o corpo necessita. O carboidrato não é utilizado para gerar energia, também não serve para produzir hormônios, nem construir pele ou músculos, nem para aumentar nossa imunidade. O carboidrato que não é queimado, unicamente se depositará como energia de reserva, em forma de gordura!

 

Como a mágica acontece

Se você se passar um pouco na ingestão de proteínas, está tudo bem, pois as proteínas têm como função possibilitar uma série de processos no seu corpo, e até podem gerar energia na falta dos carboidratos.

Se você exagerar na ingestão de gorduras de boa qualidade, poderá também utilizá-las para outras funções em seu corpo, e também, na falta de carboidratos, servirá para gerar energia.

Mas o que acontece se continuar exagerando na quantidade de carboidratos?

O que acontece é que o excesso não será utilizado para gerar energia, todo o excedente será armazenado em forma de gordura no seu corpo. Aquela gordura abdominal, nas coxas, nos flancos, na papada.

Portanto, excesso de proteína e de gordura acaba virando outra coisa, enquanto o excesso de carboidrato vira exclusivamente gordura.

Escorregue nas proteína, mas nunca em carboidrato, pois é este grupo o responsável pelo engordar!

E lembre-se:

Cada macronutriente tem a sua função, e suas calorias não podem ser comparadas entrei si.

Aproveite para ler o meu artigo sobre O que está deixando o mundo obeso.

Dr. Victor Sorrentino