Atividades físicas para pacientes com câncer aumentam a sobrevida

Atividades físicas para pacientes com câncer aumentam a sobrevida

Você já ouviu falar em atividades físicas para pacientes com câncer? Ainda existem mitos em nossa sociedade sobre o assunto. Minha tarefa aqui é desmistificá-los.

 Há quem acredite que o paciente oncológico fique confinado ao seu tratamento, sem deixar sua casa para uma atividade física ou mesmo social. É claro que esse quadro varia conforme o caso estudado. O fato é que atividades físicas para pacientes com câncer são cada vez mais recomendadas.

Mesmo que não seja possível ao paciente realizar exercícios durante o seu tratamento, um estudo aponta que aquelas pessoas que não eram sedentárias antes do diagnóstico contam com maiores chances de sobrevida

Esse estudo foi realizado pelo Departamento de Prevenção e Controle do Câncer no Roswell Park Comprehensive Cancer Center, em Buffalo, Nova York (EUA), e apresentado neste ano no recente encontro do American Association for Cancer Research (AACR).

Além da recomendação de praticar exercícios durante o tratamento, manter este hábito antes do diagnóstico e após a cura também contribuem para que o paciente tenha maiores chances de recuperação e menores riscos de desenvolver a doença novamente.

Sobre a pesquisa e seus dados

A relação entre atividade física e mortalidade foi estudada em oito tipos de câncer. Em todos eles, ficou comprovado que as atividades físicas para pacientes com câncer antes, durante e depois do tratamento aumenta as probabilidades de sobrevivência em 40% quando comparados aos que não fazem.

Durante o estudo, pacientes que informaram terem sido sedentários na década anterior ao tratamento, e que após o diagnóstico iniciaram uma rotina de exercícios, aumentaram suas chances de sobrevida entre 25% e 28%, quando comparados aos que continuaram inativos.

Um outro estudo, realizado entre pacientes com câncer de cólon nível III, mostrou que os pacientes que seguem as diretrizes da American Cancer Society em relação a alimentação e atividades físicas, correm 42% menos riscos de morte do que se fossem sedentários.

Esses dados mostram, portanto, que nunca é tarde para começar a se exercitar – e esta também foi a conclusão da equipe. As atividades físicas para pacientes com câncer devem sempre ser orientadas pelo próprio médico. A conclusão é que mesmo atividades sem intensidade ou muita frequência já auxiliam muito.

Veja também: Insulina e câncer de mama e próstata: entenda a relação

Quais as atividades físicas para pacientes com câncer?

As atividades físicas para pacientes com câncer estão ligadas a benefícios como a melhora da força muscular, do funcionamento do sistema cardiovascular, da sensação de bem-estar e da qualidade de vida. Isso devido à liberação de endorfina, conhecido como o hormônio do bem-estar.

Assim, toda a carga de extenuante trazida pela situação da doença é revertida, pois a endorfina neutraliza o cortisol, o famoso hormônio do estresse.

Sabemos que nem sempre é possível ao paciente com câncer empenhar uma rotina de treinos pesados. Por isso, embora cada caso seja particular, estudos do Clinical Oncology Society of Australia (COSA) trazem algumas sugestões de exercícios que podem ser recomendados à boa parte dos pacientes com câncer.

  • Realização de caminhadas, corridas, ciclismo ou natação durante 150 minutos semanais em intensidade moderada, ou durante 75 minutos em intensidade alta;
  • Realização de duas a três sessões semanais de musculação (ou outro exercício de resistência) focada nos maiores grupos musculares, com intensidade entre moderada e alta.

Se você é um paciente com câncer ou tem alguém doente próximo de você, procure conversar com o médico sobre as atividades físicas para pacientes com câncer. Ele saberá recomendar os exercícios adequados para o momento.

Se você não está doente, não espere mais para abandonar o sedentarismo. Sua saúde é valiosa!

Espero que este post tenha ajudado você a entender a relação entre uma vida ativa e o tratamento do câncer.

Fico feliz em vê-lo acessando meu blog, pois é sinal de que procura cuidar da própria saúde. Portanto, se você deseja saber:

como envelhecer sem engordar, sem adoecer e sem perder a memória
como emagrecer com saúde e manter-se magro definitivamente
Como mudar hábitos que são tóxicos a sua saúde
Como acordar todos os dias com energia e disposição
Como se livrar de remédios que mais intoxicam do que curam
Como manter a libido em todas as idades

Conheça o meu curso on-line com mais de 80 aulas, 3 cursos bônus e
um grupo com LIVES exclusivas para alunos no Facebook!

SEGREDOS PARA UMA VIDA LONGA

Acesse mais informações no site do curso:

Segredos para uma vida longa

Conheça o método para viver com muita saúde e energia.