Todos sabem que não há vida sem água e que devemos tomar água diariamente para manter a hidratação do corpo. Mas se é uma substância tão importante, não deveríamos saber mais sobre como escolher a água que vamos beber?

O assunto é de suma importância para a saúde das pessoas. Mas a falta de conhecimento faz com que praticamente a totalidade da população não saiba todos os benefícios que uma água de boa qualidade pode proporcionar.

Mais do que isso, a maioria fica sem a devida orientação na hora de escolher esta substância vital, ficando a mercê das informações publicitárias das empresas que se favorecem da venda da água.

Saiba que na maioria das vezes, essas empresas não têm compromisso com a saúde do consumidor, mas sim com o lucro do seu produto.

Faça uma pesquisa, pergunte a qualquer profissional de saúde “qual água você deve comprar para beber?” Não tenho dúvidas de que ouvirá o mesmo que se perguntar à pessoa mais leiga que você conhece: “a água filtrada, pura e limpa…”

Os maiores especialistas e estudiosos da água, têm provado através de estudos importantes que toda água não é igual. E mais: é a estrutura da água dentro dos nossos corpos que determina, em última instância, saúde ou doença. Assim, a nossa saúde pode ser melhorada através da melhoria da qualidade da nossa água e doenças podem realmente ser tratadas também com água.

É fundamental que a população tenha conhecimento das propriedades da água, para que possa então se beneficiarem deste principal componente do corpo. Aproveito e aconselho que aproveite as informações para que possa escolher melhor a água que você bebe:

PH da Água

  • Se for mais ácido que o do nosso sangue, pode envelhecer e acidificar o corpo, provocando inclusive osteoporose já que a acidez sanguínea aumenta em até 100 vezes a atividade osteoclástica, que é a retirada de cálcio dos ossos. Todo alimento, por exemplo, gera um lixo de natureza acídica;

Fonte

  • Quanto mais distante a fonte e engarrafamento, de onde se consome, maior o número de xenoestrógenos esta água irá conter, devido ao sol e calor sobre as garrafas de plástico, que liberam substâncias altamente tóxicas e que têm uma capacidade de se ligar a receptores hormonais estrogênicos com tal afinidade, que ocupam estes receptores alterando toda relação e equilíbrio hormonal das pessoas a longo prazo.

Flúor

  • Diversos países da Europa e estados da América do norte já proibiram a adição do flúor na água, devido também à toxicidade desta substância, que por sua estrutura física e colocação na tabela periódica, tem preferência absortiva ao Iodo e, por isto, pode prejudicar o funcionamento da tireoide. Ainda escreverei em breve um artigo só sobre o Flúor e darei todos os dados atuais que sustentam a afirmação a respeito da toxicidade e do fato de hoje ele não ser necessário da forma que é utilizado, tendo substitutos inclusive nas pastas de dente

Pureza

  • Este é infelizmente o único critério que as pessoas conhecem. É importante, mas apenas um deles. Sabe-se que a água deve ser livre de impurezas para que possamos consumí-la. Entretanto, neste processo de purificação, a água não pode ser desmineralizada, pois a água pura deve conter os minerais e nutrir. Uma água sem minerais é uma água morta

Potencial de Oxi-Redução (ORP)

  • Uma água pode ser oxidante e envelhecer, ou antioxidante, combatendo radicais livres e o envelhecimento celular;

Condutibilidade

  • Nosso corpo funciona através de impulsos elétricos, que levam as informações para realizarmos nossas funções. Estes estímulos devem ser conduzidos por meio dos tecidos corporais que são constituídos primordialmente por água. Se a água não tiver um bom nível de condutibilidade, os impulsos são prejudicados, trazendo repercussão ruim ao metabolismo corporal. Note que atletas de ponta são tratados com água com alta concentração natural de minerais naturais, e não adicionados ou “enriquecidos”, por isso têm reflexos apurados e a condução dos impulsos têm qualidade máxima.

Potencial de hidratação

  • É alarmante, mas existem águas que passam por processos e filtros, se tornando pobres hidratantes para o corpo. A purificação por destilação, desionização e osmose reversa, acidificam o corpo, roubam minerais e têm um fraco poder de hidratação;. Por outro lado, a água ionizada é um agente desintoxicante, além de ser 6 vezes mais hidratante.

 

E como acho justo que todos tenham a oportunidade de ter acesso à coisas simples e que fazem toda diferença em suas vidas e principalmente, na vida das futuras gerações, darei duas dicas.

Primeiramente, saiba que já existe um filtro de água desenvolvido no Brasil, que transforma a água de torneira, na água que contém boa parte destas propriedades, então aconselho que compre, pois tenho e fazendo as contas, esteja certo de que é mais barato do que comprar água no mercado.

Segundo, para você que não possui este aparelho, a única escolha que pode ter é saber pelo menos se a água é alcalina, pois todas as garrafas no Brasil contém esta informação no rótulo. Portanto, procure sempre verificar PH a 25 graus, pois ele deve ser maior do que 7,5. Preste atenção nisso na hora de escolher a sua água.

Comece a ficar atento aos rótulos das garrafas de água que você consome, você irá se surpreender!

Até o próximo artigo pessoal!

Victor Sorrentino