Com o avanço da tecnologia, em breve viveremos 150 anos. E assim como eu, acredito que muitos gostariam de viver 150 anos.

 

Mas as notícias não são boas: Os seres humanos estão passando praticamente 1/5 da vida incapacitados.

Incapacitados e chegando a terceira idade em cadeiras de rodas, fraldas, sem conseguir fazer tarefas diárias ou mesmo reconhecer seus familiares.

Quem quer viver até os 150 anos se for pra viver assim? Ninguém, nem eu!

 

Se passamos 1/3 da vida dormindo e 1/5 dela incapacitados, quanto tempo realmente sobra pra aproveitar a vida de forma plena?

Saiba que hoje, 85% do gasto público da saúde é destinado a tratar doenças nos últimos 2 anos de vida.

 

Viver Mais e Melhor

 

Meu objetivo aqui é mostrar que é possível viver sem doenças ou com a melhor qualidade de vida possível.

E que isso só depende de como nós levamos a nossa vida e de quão sério nossos médicos também vão levar adiante a questão da saúde, da prevenção e da longevidade.

 

A Falsa Prevenção

 

A chamada prevenção que existe hoje, não é exatamente uma prevenção. Fazer uma mamografia não é prevenir o câncer de mama. Fazer uma mamografia é um diagnóstico precoce, pois no momento em que ela for detectada, não há mais como reverter a situação.

Hoje já sabemos o que é preciso fazer para realmente prevenir, a medicina já avançou muito nesse sentido. O que falta é informação, porém a maior parte dessa informação não chega às pessoas.  

Parte desse conhecimento não está chegando em universidades, e nem nos médicos.

Infelizmente no momento não existe uma solução definitiva pra esse problema. Os médicos devem buscar as informações sozinhos, em cursos, palestras e com outros médicos.

 

Um Caminho de Pedras

 

Aconteceu comigo, minha avó ficou doente e ninguém conseguia dar um diagnóstico. Eu precisei encontrar um caminho para buscar as informações que eu ainda não tinha. Minha avó não bebe e foi diagnosticada com cirrose.

 

Nem eu, nem nenhum médico conseguimos ajudar a minha avó, mas com isso observei que as coisas estão bem erradas. A saúde existe e não estamos realmente vivendo ela.

Os hábitos que levam às doenças estão camuflados, e todo mundo os pratica.

 

O papel do médico não é apenas o diagnóstico de uma doença, é sim entender que ela pode acontecer como resultado de hábitos, e mostrar que isso pode ser mudado.

 

Exemplo:

Refrigerantes e sucos de caixinha, hábitos que pareciam inofensivos, podem causar cirrose. A explicação é extensa, mas é um exemplo do que estou falando. Existem muitas crianças hoje com problemas de fígado por causa desses sucos.

 

E está toda hora na TV e na mídia o apelo para consumir esses produtos, então há muita coisa errada. O médico precisa saber a verdade, para poder educar estes pais e assim poder evitar que estas doenças se desenvolvam nas crianças e adultos futuramente.

 

A Qualidade de Vida

 

Hoje as pessoas já estão vivendo mais do que antigamente, mas com que qualidade de vida?

Uma pessoa de 80 anos toma cerca de 5 remédios por dia, um pra cada coisa, cada um com seu efeito colateral, isso não é vida!

O que eu quero mostrar através do meu trabalho é que existe um meio mais natural de conseguir controlar isso.

Uma forma é através da modulação hormonal.  Daí muitas pessoas acham que hormônio dá câncer, e vira um problema bem maior.

 

Reposição hormonal não dá câncer. Há muitos detalhes neste âmbito que foram escondidos da população. Um papo bem comprido que em breve escreverei aqui no blog. Mas o importante é que os hormônios bioidênticos não causam câncer.

 

Como se manter saudável com o passar dos anos?

A água é um grande remédio, a música e o lazer também. E não é modismo, é uma questão física, o sentimento de prazer que estas coisas trazem alivia o stress e não deixa as doenças tomarem conta.

 

Separei alguma dicas práticas para impulsionar sua saúde no dia a dia neste meu post sobre 22 Dicas práticas para Melhor a Qualidade de Vida. 

E abaixo por onde você pode começar:

 

#1 Tome Sol

O sol é saúde. Ninguém está falando para se queimar. Entretanto o sol é o único jeito de produzir a vitamina D. Chamar de vitamina já está obsoleto, essa substância é um dos hormônios mais importante do corpo humano. Esse hormônio liberado pelo contato com o sol também previne uma série de doenças, como osteoporose, pressão arterial e câncer.

 

#2 Cacau

É uma fruta dos deuses, é considerado o melhor alimento antioxidante. Previne e trata doenças cardiovasculares e previne a depressão por agir sobre a serotonina. Além disso é rico em vitaminas e minerais, principalmente o Magnésio. Magnésio é um mineral essencial para a saúde. Leia mais sobre os benefícios do Cacau Aqui.

 

#3 Água

A substância mais abundante no corpo humano, somos 60% feitos de água. Imagine que somos peixes dentro de um aquário. Não adianta nada tratar os peixes se não tratar a água. No nosso corpo acontece igual! Ela também é um antioxidante, hidrata o corpo e é importante responsável pela condução de nutrientes e minerais. Leia mais sobre como escolher sua água Aqui.

 

#3 Coco

Antibiótico, antifúngico, antiviral, eleva o bom colesterol e diminui o ruim. Leite de coco, água de coco, óleo de coco, todos são muito benéficos para a saúde. Recomendo que troque todos os óleos utilizados em casa pelo óleo de coco. Eu tomo duas colheres de óleo de coco por dia, por questões de saúde, e raramente fico doente. Leia mais aqui sobre o Óleo de Coco.

Leia também: Quer viver muito? Sua Longevidade está no Prato

 

Uma Questão de Escolha

 

No fim das contas, o manter-se saudável e prevenir doenças é uma questão de escolha.

Optar pela saúde, manter hábitos saudáveis, praticar exercícios físicos, brigar contra a obesidade, tudo é válido.

Criar crianças saudáveis e que saibam se alimentar bem, fugindo dos industrializados, tudo isso pode levar a viver mais e melhor.

 

Se os pais fizerem pressão para educar seus filhos sobre hábitos saudáveis, podemos ter uma realidade diferente nos próximos anos.

O bom é que não existe idade para começar a cuidar da saúde. A toda hora é possível escolher a saúde, é possível começar agora e colher benefícios.

 

A mudança de hábitos está nas nossas mãos! É só começar!

Victor Sorrentino