Flavonoides e controle da pressão arterial: o que dizem os estudos?

Flavonoides e controle da pressão arterial: o que dizem os estudos?

Sabe aquela xícara de chá? Ela pode ter muito mais benefícios que imagina! De acordo com estudos recentes, há uma ligação direta entre flavonoides e pressão arterial.

Presente no chá — e também em frutas vermelhas e maçãs — os flavonoides são um grupo de fitonutrientes (nutrientes à base de plantas). Eles são ricos em antioxidantes, portanto, ajudam a combater os radicais livres no corpo, que podem danificar os órgãos. 

Estudos também mostraram que eles podem ajudar a reduzir o risco de doenças cardiovasculares, como ataque cardíaco e derrame. Existem alguns subgrupos menores de flavonoides, como flavonas, antocianinas, flavanonas, isoflavonas, e flavonóis (flavan-3-ols).

Entre eles, o flavanol é um tipo popular de flavonoide. Ele inclui catequinas e procianidinas, e é encontrada em altas concentrações no chá, cacau, uvas e vinho tinto. 

Um estudo recente, publicado na revista Scientific Reports em 21 de outubro de 2020, afirmou que uma dieta rica em flavonóis pode ajudar na redução da pressão arterial.

Flavonoides e pressão arterial

Para este estudo, os cientistas coletaram os dados de 25.618 participantes, dos quais 14.026 eram mulheres e 11.592 eram homens. Esses participantes já estavam inscritos no estudo de Norfolk da European Prospective Investigation on Cancer and Nutrition (EPIC).

Todos esses pacientes tinham o hábito de adicionar flavonoides à dieta na forma de bebidas, frutas e vegetais.

Os cientistas também coletaram dados sobre o hábito de fumar e classe social, bem como o histórico médico da família. Eles mediram a altura, peso, atividade física e pressão arterial dos participantes. 

A pressão arterial foi medida após fazer o paciente sentar-se confortavelmente por cinco minutos. Os médicos também levaram em consideração os níveis sanguíneos em jejum, os níveis de colesterol total e os níveis plasmáticos dos pacientes.

Risco reduzido de doença cardiovascular

Os resultados do estudo mostraram que o consumo de flavonoides pode ter um efeito vasculoprotetor (proteção contra danos aos vasos sanguíneos). Verificou-se que as pessoas que consumiram altos níveis de flavan-3-ol apresentaram pressão arterial sistólica e diastólica mais baixa. 

Níveis elevados de flavanol também foram associados a níveis reduzidos de colesterol ruim, triglicerídeos e colesterol total no corpo.

Os resultados mostraram ainda que a diferença na pressão arterial entre aqueles que consumiram os níveis mais baixos de flavanol e aqueles que ingeriram os níveis mais elevados de flavanol foi entre 2 e 4 milímetros de mercúrio (mmHg). 

A diferença na pressão arterial foi mais significativa em pessoas com diagnóstico de hipertensão.

Os cientistas concluíram que o consumo regular de flavanol (em qualquer forma) pode ajudar a reduzir a incidência de doenças cardiovasculares, como ataque cardíaco e derrame.

Consuma alimentos ricos em flavonoides

O estudo foi conduzido pelo Dr. Gunter Kuhnle, professor de nutrição e ciência dos alimentos, University of Reading, no Reino Unido. Ele deixou clara a relação entre o alto consumo de flavonoides e a pressão arterial sistólica e diastólica baixa.

Outro estudo que vale a pena ser citado é o COSMOS (sigla do inglês, Cocoa Supplement and Multivitamin Outcomes Study). Ele evidenciou que 600 mg/dia de suplementos de cacau ou de um multivitamínico comum reduz o risco de doenças cardíacas, AVC e câncer em cinco anos.

Dessa forma, é possível observar que o consumo de flavonoides está ligada à redução da pressão arterial. Ou seja, realizar intervenções alimentares adequadas, especialmente aquelas que dão maior ênfase nestes vegetais ricos nesses bioativos, pode ser uma grande ideia.

É claro que o acompanhamento médico é sempre necessário nos casos de alteração da pressão arterial e jamais deixe de usar qualquer medicamento sem orientação médica. Mas os estudos são bastante promissores para esse controle com o uso dos flavonoides.

Assim como informações sobre flavonoides e controle da pressão arterial, costumo compartilhar outros estudos e informações sobre saúde e melhor qualidade de vida nas minhas redes sociais. Me segue lá: Facebook, Instagram, Youtube, iTunes e Soundcloud.

Conheça o método para viver com muita saúde e energia.