Insulina e câncer de mama e próstata: entenda a relação

Insulina e câncer de mama e próstata: entenda a relação

O que insulina e câncer de mama e de próstata tem a ver?

Sabemos que a hiperinsulinemia, que diz respeito às altas taxas de insulina no sangue, tem relação com uma série de problemas endócrinos, como obesidade e diabetes.

No entanto, em 2015, o jornal Diabesity publicou um artigo onde mostrava que, além dessas doenças, as taxas de insulina eram relacionadas ao aparecimento do câncer de mama, dos ovários e da próstata. Ao surgir a palavra “câncer” no grupo das doenças relacionadas à insulina, muitos podem ficar intrigados.

Como as taxas de insulina podem ser reguladas de acordo com a alimentação, podemos concluir que hábitos alimentares com o consumo moderado de açúcares sirva como medida de prevenção desses tipos de câncer.

Insulina e câncer de mama

Sobre uma questão metabólica estar associada ao aparecimento do câncer de mama, este assunto não é novidade. Em 1992, ou seja, há 25 anos, o artigo “Insulin resistence and Breast Cancer Risk” (1) (Resistência à Insulina e o Risco do Câncer de Mama), publicado no International Journal of Cancer, já apontava o tema como relevante.

De acordo com o artigo, o estilo de vida tem um grande impacto no desenvolvimento do câncer de mama. O texto fala de um estudo em que 223 mulheres com idades entre 38 e 75 anos que apresentavam câncer de mama operável (estágio I ou II) foram comparadas com outras 441 mulheres sem a doença. O último grupo fazia parte de um rastreio populacional de câncer mamário.

Na época, já foi comprovado que as mulheres com câncer de mama estavam com as taxas de peptídeo C – substância obtida quando a insulina é processada no organismo – mais altas do que o outro grupo que não tinha a doença.

A conclusão do artigo é que a insulina e câncer estão ligados, pois a substância atua de maneira direta no crescimento celular do câncer. Assim, as altas taxas de insulina são um fator de risco mais grave que a maioria de outros motivos conhecidos.

Portanto, uma dieta com o consumo controlado de açúcares é recomendado para evitar o câncer de mama. Para saber mais sobre a prevenção do câncer de mama, recomendo que leia este artigo.

Insulina e câncer de próstata

A insulina e câncer de próstata, infelizmente, também estão relacionados. Além das evidências do surgimento dessa mutação genética na mama, há também indícios apresentados em pesquisas que a insulina acelera a reprodução das células cancerígenas na próstata.

A revisão realizada em 2005 intitulada ”Hyperinsulinaemia: A prospective risk factor for lethal clinical prostate cancer“, veiculada pelo European Journal of Cancer, trouxe conclusões após estudo realizado com 320 homens pacientes do câncer de próstata entre 1995 e 2003.

Conforme o artigo, o câncer de próstata é um componente da síndrome metabólica. Essa síndrome diz respeito a absorção defeituosa da glicose mediada pela insulina. Assim, essa condição de aberração metabólica pode preceder o quadro de câncer de próstata letal.

Assim, as altas taxas da insulina no sangue podem não apenas figurar como fator de risco, como também causar o câncer de próstata. Um programa de redução de insulina, com intervenções no estilo de vida e na alimentação, podem retardar ou reduzir o crescimento da doença.

Este é mais um motivo para você ficar alerta ao consumo de alimentos que causam o aumento das taxas de insulina, tais como carboidratos e itens açucarados. Consumir fibras solúveis, fazer atividades físicas e diminuir a circunferência da barriga são algumas maneiras de controlar melhor a substância no sangue.

Se você não sabia que insulina e câncer são inteiramente relacionados, agora tem motivos de sobra para se cuidar. Fico feliz que esteja lendo meu artigo, pois mostra que está preocupado com a própria saúde e também da sua família.

Para saber:

como envelhecer sem engordar, sem adoecer e sem perder a memória;
como emagrecer com saúde e manter-se magro definitivamente;
Como mudar hábitos que são tóxicos a sua saúde;
Como acordar todos os dias com energia e disposição;
Como se livrar de remédios que mais intoxicam do que curam;
Como manter a libido em todas as idades;

Conheça o meu curso on-line com mais de 80 aulas, 3 cursos bônus e
um grupo com LIVES exclusivas para alunos no Facebook!

SEGREDOS PARA UMA VIDA LONGA

Acesse mais informações no site do curso:

Segredos para uma vida longa

Conheça o método para viver com muita saúde e energia.