Obesidade e câncer: sobrepeso aumenta riscos da doença

Obesidade e câncer: sobrepeso aumenta riscos da doença

Obesidade e câncer estão totalmente relacionados. Ambos são, em muitos casos, resultado dos maus hábitos adotados diariamente. A alimentação inadequada e a ausência de uma rotina de atividades físicas leva a quadros de obesidade com altas chances de causar algum tipo de câncer.

No Brasil, os números preocupam. Uma pesquisa realizada pelo Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), em colaboração com a Harvard University (Estados Unidos), sugere que até 15 mil casos de câncer – ou 3,8% do total – poderiam ser evitados com o controle do peso.

Entenda como obesidade e câncer estão relacionados e o que você pode fazer hoje para evitar problemas futuros.

Obesidade e câncer: estimativa só de crescimento

Aqui no blog, sempre comento sobre os impactos de nossa alimentação em nossa saúde. Infelizmente, quando muitos alimentos industrializados e ultraprocessados fazem parte da nossa alimentação todos os dias, os resultados não são os melhores.

É devido ao fácil acesso que temos a esse tipo de alimento que os casos de obesidade e câncer só aumentam. Conforme a pesquisa, até 2025, a estimativa é que mais 29 mil diagnósticos do câncer tenham relação com o sobrepeso. Isso deve corresponder 4,6% de todos os casos da doença no Brasil.

Dados da Organização Mundial da Saúde – OMS mostram que a obesidade e o sobrepeso estão relacionados ao aumento de risco de pelo menos 14 tipos de câncer: de mama, cólon, reto, útero, vesícula biliar, rim, fígado, mieloma múltiplo, esôfago, ovário, pâncreas, próstata, estômago e tireoide.

Estes tipos de câncer correspondem à metade dos casos da doença diagnosticados por ano no Brasil. Enquanto os casos de obesidade ou sobrepeso em 2002 eram de 40%, em 2013 dados do IBGE apontam que 60% dos brasileiros estão acima do peso.

Os números certamente tem relação com o aumento da renda do brasileiro e o incentivo ao consumo. No caso dos alimentos, os mais vendidos e consumidos pela população são os ultraprocessados, seja pelo preço, pelo sabor ou simplesmente pela praticidade que muitos oferecem.

Mulheres correm maior risco

Quanto maior o Índice de Massa Corporal – IMC, maiores os riscos de desenvolver câncer. De acordo com o estudo, os casos de IMC elevado são mais frequentes em mulheres. Além disso, três tipos de câncer relacionados à obesidade e ao sobrepeso são exclusivamente femininos – ovário, útero e de mama.

Os diagnósticos de câncer também devem aumentar de maneira geral nos próximos anos devido ao aumento da expectativa de vida da população. Por enquanto, as mulheres continuam vivendo mais que os homens. A combinação de todos esses fatores fazem que o público feminino tenha 5,2% maior propensão a desenvolver câncer.

Como combater a obesidade?

Tudo quanto é fator evitável para desenvolver algum tipo de câncer deve ser considerado. Causas genéticas, por exemplo, não são controláveis.

Atualmente, o maior fator de risco para o câncer – e que pode ser evitado – é o tabagismo. O hábito é responsável por 15% dos diagnósticos. Porém, medidas para combater o fumo foram tomadas, como a conscientização sobre seus males desde a fase escolar, a restrição de propagadas e a taxação de impostos.

Para os autores da pesquisa, o consumo de alimentos ultraprocessados na atualidade é totalmente parecida com a questão do tabaco na década de 1980. Não há informações claras nas embalagens, a conscientização sobre os problemas é inexistente e o estímulo ao consumo por meio de propagandas está por toda parte.

Por isso, apontam que a alimentação deve virar pauta prioritária da saúde pública, caso o governo queira se comprometer com o controle e a diminuição dos casos de obesidade e câncer no Brasil. Manter uma alimentação equilibrada é um dos hábitos que podem acrescentar 10 anos de vida, conforme explico aqui.

Espero que este artigo tenha ajudado você a abrir os olhos para os dados alarmantes que relacionam a obesidade ao desenvolvimento de diferentes tipos de câncer.

Fico feliz em vê-lo no meu blog. Se você acompanha meu trabalho, é sinal de que o seu desejo é viver mais e melhor. Parabéns!

Para saber:

Como envelhecer sem engordar, sem adoecer e sem perder a memória
Como emagrecer com saúde e manter-se magro definitivamente
Como mudar hábitos que são tóxicos a sua saúde
Como acordar todos os dias com energia e disposição
Como se livrar de remédios que mais intoxicam do que curam
Como manter a libido em todas as idades

Conheça o meu curso on-line com mais de 80 aulas, 3 cursos bônus e
um grupo com LIVES exclusivas para alunos no Facebook!

SEGREDOS PARA UMA VIDA LONGA

Acesse mais informações no site do curso:

Segredos para uma vida longa

Conheça o método para viver com muita saúde e energia.